Cão de rua responde quando um estranho o acaricia pela primeira vez – Blog Mundão Animal

Cão de rua responde quando um estranho o acaricia pela primeira vez

Viver na rua é uma situação bastante difícil para qualquer ser; Por isso, para o cachorrinho que protagoniza essa história, foi necessário encontrar um lugarzinho onde fosse bem recebido. Você vai ver que o cachorro se derreteu de amor, depois que um dos moradores do bairro onde ele morava lhe deu uma chance.

Uma mulher chamada Jillian se tornou a salvadora do cachorro. Acontece que esse cachorro costumava passar pela casa da mulher. Ela já o tinha visto algumas vezes, mas ele nunca demonstrou interesse em se aproximar dela, na verdade ele preferia manter distância, então Jillian também não se aproximou dele para não intimidá-lo.

Por ser um cachorro de rua, ela temia que ele fosse agressivo, mas ficou surpresa ao conhecê-lo. Foi uma noite que a mulher saiu para tirar o lixo e sentiu como se alguém a estivesse observando no escuro: era o cachorrinho sem-teto que ela tinha visto nos dias anteriores.

A mulher queria ir até ele naquele momento, pensando que ele estava procurando abrigo, e sentiu muita pena dele.

No entanto, o cachorro escapou assim que percebeu as intenções da mulher de se aproximar dele. Parece que este cão estava bastante desconfiado e por isso fugiu de Jillian. A mulher considerou o assunto encerrado, já que vários dias se passaram antes que ela o visse novamente, mas ela estava muito errada.

O cachorrinho continuou a vagar pelo local, então, quando o viu, pensou que não era coincidência. O bichinho precisava de ajuda e se sentia mal por não poder ajudá-lo. Mas a mulher continuou insistindo, em uma ocasião ela o viu bisbilhotando o lixo do vizinho e quis se aproximar.

Mais uma vez o plano falhou. Naquele momento ela notou que o cachorrinho parou para olhar para ela. O animal parecia impressionado com o tratamento carinhoso que a mulher lhe davatalvez o pobre tivesse se acostumado com os gritos ou tratamento injusto das pessoas e por isso tinha medo de estranhos.

Embora a cachorrinha também tenha começado a correr na manhã daquele encontro, o fato de ter parado um instante para olhar para ela acabou despertando mais curiosidade em Jillian.

Agora ele sabia que o assunto era uma questão de confiança. Ela pensou que talvez apenas algumas palavras ternas, algumas demonstrações de amor ou mesmo comida fossem suficientes para que o cachorrinho fugitivo não resistisse e deixasse que ela se aproximasse dele.

Foi nesse momento que Jillian começou uma longa caçada até que o cachorro chegou novamente e ela conseguiu aplicar suas novas estratégias. Não demorou muito para o encontro quando o animal e ela se cruzaram novamente.

Nesse momento ela começou a dizer palavras bonitas para ele em um tom agradável, ela entrou em sua casa para comer e uma tigela de água; e o deixou em seu jardim.

Ela sabia que os cães têm um olfato muito sensível, então optou pelo aroma de ração para atraí-lo. Ela estava certa, pois o cachorrinho não resistiu e vendo que a mulher só queria ajudá-lo, acabou apostando nela.

Após esses encontros furtivos por semanas, o animal caminhou até ela e assim que Jillian o acariciou, o cachorro derreteu completamente. Ele só precisava de um pouco de amor. Parece que ele não era apenas um cão bastante desconfiado, mas com um coração enorme.

O pobre cachorro sentiu-se seguro com a mulher e assim que o tocou soube que ela era uma boa pessoa. Jillian não ia machucá-lo, pelo contrário, ela só queria ajudá-lo e essa lição foi compreendida pelo cachorrinho que agora vive com a mulher. Ele agora é parte da família e seu nome é Moon.

Um final merecido e feliz para este animal. Definitivamente, quem quer ajudar sempre encontra maneiras de fazê-lo e isso é demonstrado pela heroína desta história: Jillian.