descubra os principais riscos e cuidados

O botox é um dos produtos mais utilizados em procedimentos que minimizam rugas e linhas de expressão, além de ser uma alternativa para alguns tratamentos terapêuticos. Mas você sabe quais os efeitos do botox antes e depois da aplicação? Neste post, a cirurgiã plástica Dra. Gabriela Schwartzmann, membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, fala sobre o procedimento e indica áreas para aplicação. Confira!

O que é o botox?

Segundo a cirurgiã, “botox” é o nome comercial dado à primeira marca de toxina botulínica inserida no mercado. Essa “toxina do Clostridium botulinum foi isolada e usada para bloquear ou reduzir a ação muscular. Logo, ela atua através do bloqueio da liberação de acetilcolina na placa motora do músculo.”

Nesse sentido, “o efeito terapêutico do botox é reduzir a ação muscular e, em doses maiores, bloqueia essa ação, levando a uma paralisia temporária”, explica a especialista. Por isso, quando o botox é aplicado para fins estéticos na face, ameniza rugas, linhas de expressão e harmoniza o sorriso.

Como é realizado o procedimento de botox?

A Dra. Gabriela Schwartzmann explica que a realização do botox é feita após a diluição do frasco de toxina botulínica. “Existem as doses corretas para cada tipo de músculo, contração muscular, padrão de extensão muscular e o resultado que deseja alcançar”. Ela ainda diz que pode ser um resultado mais bloqueado ou mais natural, com maior movimentação na região, e que isso faz parte do refinamento da técnica para fazer a aplicação do botox.

Quais são os efeitos do botox antes e depois?

O principal objetivo do botox é paralisar ou reduzir a ação muscular dos músculos do terço superior da face. Dessa forma, o produto impede a movimentação desses músculos, reduzindo a marcação de expressões faciais. A seguir, veja mais detalhes sobre os efeitos em cada região do rosto:

  • Testa: normalmente, as linhas que formam as rugas ocorrem quando há a contração muscular na testa ao levantar as sobrancelhas. A especialista explica que “o botox é injetado para reduzir essa ação muscular”. Dessa forma, a atividade muscular é reduzida, deixando a aparência da região mais suave.
  • Glabela: a médica informa que o botox é aplicado “nos ventres musculares, ou seja, na porção muscular que queremos bloquear, nem sempre coincide com as rugas”. Assim, é possível aplicar a toxina botulínica para prevenir ou atenuar linhas de expressão nessa região.
  • Olhos: segundo a especialista, se “a ação muscular estiver causando rugas, o botox será responsável por reduzir essa ação e, consequentemente, os pés de galinha, rugas periorbitais localizadas na lateral dos olhos, serão atenuados”.
  • Região próximo a boca: a toxina botulínica é aplicada ao redor da região para suavizar linhas de expressão, elevar os cantos da boca e corrigir o sorriso gengival.
  • Contorno mandibular: “se a ação muscular estiver atrapalhando a linha do contorno facial, o bloqueio da ação muscular por meio da aplicação do botox vai atenuar o efeito na região do músculo platisma” e definir o contorno mandibular.
  • Pescoço: “a toxina botulínica é aplicada nas linhas verticais do pescoço, para atenuar as bandas plastismais (vergões verticais). A maior parte das rugas horizontais não estão ligadas a ação muscular e não são para tratamento primário com toxina botulínica”.
  • Nariz: assim como em outras partes do rosto, a toxina botulínica é aplicada na região do nariz para amenizar rugas na lateral do dorso nasal. Além disso, pode ser aplicada na base nasal para bloquear o músculo depressor do septo nasal e assim bloquear a ação hiperdinâmica da ponta nasal”.

É importante esclarecer que o botox não é um tratamento adequado para o sulco nasolabial, conhecido como bigode chinês. Segundo a especialista, “o bigode chinês não é uma ruga, pois é causado por uma série de atuações de mímica facial, absorção óssea, pálpebra caída, flacidez e queda de coxins adiposos. Por ser uma marca que não decorre isoladamente da ação muscular, a toxina botulínica não é indicada para amenizar o bigode chinês”.

Quais os riscos do botox antes e depois?

A Dra. Gabriela Schwartzmann explica que o botox é usado para relaxar a musculatura para alcançar a paralisia ou redução da ação muscular. Por isso, “pode ocorrer um bloqueio inesperado, resultando assimetria ou queda da pálpebra. Em geral, as principais intercorrências do botox acontecem ao espalhar a toxina para um local indesejado”.

Quais os cuidados após a aplicação de botox?

botox antes e depois

canva

Segundo a profissional, quando o procedimento surgiu existia uma série de recomendações que deviam ser seguidas após a aplicação do botox, porém, não eram clinicamente relevantes. Contudo, a especialista orienta a “não massagear e manipular as regiões tratadas nas primeiras horas do tratamento para não difundir a toxina para outras musculaturas, assim como bloquear músculos indesejados”.

A cirurgiã plástica esclarece que “existiam cuidados plásticos após a aplicação do botox, como não abaixar a cabeça ou fazer exercícios físicos, mas estes não alteravam o curso natural e o efeito terapêutico.” Nesse caso, é importante seguir as recomendações mencionadas acima para obter resultados satisfatórios.

Dúvidas sobre o botox respondidas pela profissional

Embora muito utilizado para procedimentos estéticos no rosto, o botox deve ser administrado corretamente para não criar um efeito artificial ou comprometer as expressões faciais. Portanto, antes de realizar o procedimento, esclareça as dúvidas mais comuns com a especialista:

Quanto tempo o botox leva para fazer efeito?

Gabriela Schwartzmann: a toxina não tem ação imediata. Na verdade, a substância começa a fazer efeito de 24 a 48 horas após o procedimento. Dessa forma, as áreas tratadas apresentam relaxamento muscular e o pico de ação ocorre em 10 a 14 dias.

Como fica o rosto após aplicar botox?

Os pontos de aplicação costumam ficar avermelhados e levemente inchados nos primeiros minutos, mas o inchaço desaparece ao longo do dia.

O que evitar após a aplicação do botox?

Como já informado pela especialista, a orientação é não massagear ou mexer no local de aplicação nas primeiras horas após o procedimento.

Quanto tempo dura o efeito do botox no rosto?

A duração, na verdade, está relacionada a quanto tempo a pessoa demora para recobrar a sua ação muscular. Normalmente, pessoas mais jovens podem ter uma ação do botox mais prolongada por a pele ser mais espessa. Contudo, conforme a pessoa envelhece, o procedimento dura menos tempo, pois a pele fica mais fina, principalmente nas laterais dos olhos. No geral, o efeito do botox dura de 3 a 6 meses.

Existe alguma contraindicação para realizar o procedimento?

As principais contraindicações são relacionadas as doenças neuromusculares, como a Miastenia grave. Muitas vezes, o paciente sofre com a redução da ação muscular e, com a aplicação, pode agravar um problema que já existe. Além disso, o procedimento é contraindicado para pessoas com doenças ativas na pele do local de aplicação e gestantes, pois não existem estudos que comprovem que o botox é seguro para elas.

É normal sentir dor de cabeça após aplicar botox no rosto?

Não é comum, mas pode acontecer. Normalmente, a dor de cabeça é autolimitada e responde a analgésicos simples.

Existe uma idade recomendada para a aplicação de botox no rosto?

Não existe uma idade recomendada. Na verdade, se você considerar a aplicação terapêutica do botox, o produto pode ser usado a partir dos 2 anos de idade, principalmente nos casos de espasticidade muscular. Porém, quando se fala em estética, pode ser aplicado sempre que o paciente tiver hiperatividade muscular para ser controlada. Em geral, a maioria dos pacientes que fazem o procedimento tem mais de 30 anos de idade.

O que pode ser feito para o botox no rosto durar mais tempo?

Existem algumas situações que diminuem o seu efeito. Por exemplo, observa-se uma redução progressiva em pessoas que fazem atividade física extenuante. Agora, para aumentar a durabilidade, até o momento não há nada que prolongue a ação do botox na área aplicada.

Além das regiões mencionadas, o botox pode ser usado para amenizar o sorriso gengival, bruxismo, hipertrofia de masseter, além de hiperidrose palmar e axilar, para diminuir o suor excessivo nas mãos e axilas.

Relatos de botox antes e depois da aplicação

Se você está ponderando fazer o procedimento, mas ainda sente algum receio, veja os vídeos a seguir. Nessa seleção, você acompanhará esclarecimentos de profissionais e depoimentos de pessoas que compartilham o resultado do procedimento. Vale a pena assistir!

Botox antes e depois: aplicação e resultados

Nesse vídeo, a youtuber Priscila Colar mostra na prática como o botox é feito. A aplicação foi realizada na testa, ao redor dos olhos e na região da boca. Além disso, ela fala sobre o tempo de duração do tratamento, valores e mostra o resultado dias após o procedimento.

Experiência com botox antes e depois

A youtuber Day Ramos sempre se incomodou com as linhas de expressão na região da glabela. No vídeo, ela realiza o procedimento pela primeira vez, mostra o antes e depois e conta quais foram as primeiras impressões com o botox. Assista e descubra se o resultado foi satisfatório para ela!

Cuidados necessários após a aplicação de botox no rosto

Outras dúvidas importantes podem surgir sobre o botox. Por essa razão, a cirurgiã dentista Dra. Agatha Ubiali lista alguns cuidados que devem ser tomados após o procedimento. Não deixe de conferir!

Se você deseja realizar o botox ou qualquer outro procedimento estético, é extremamente importante consultar profissionais habilitados. Dessa forma, você vai assegurar o seu bem-estar e garantir bons resultados. Agora, se você deseja fazer um tratamento somente para regenerar, nutrir e hidratar a pele, aposte na revitalização facial, uma técnica que se tornou protagonista entre os procedimentos que promovem a renovação celular.